Airbnb: Hospedagem em Miami

Tenho certeza que a dica de hoje vai valer ouro para muitas pessoas!! Isso porque ela é realmente muito boa pra quem gosta de viajar, e não gosta de gastar muito com hospedagem! Vou contar pra vocês, como funciona o Airbnb, um site que você pode alugar casa, ou um quarto em todo mundo! Quem saber mais?! Então confere ai:Captura de Tela 2013-11-29 às 02.05.21Quando fomos pra NYC em abril, nos deparamos com um grande problema que todos tem quando vão pra lá, hotel! O valor da diária é ridiculamente cara, principalmente em Manhattan! Se você optar ficar no Brooklyn ou algum outro bairro afastado o preço até que fica ok, mas você vai ficar cerca de 50 minutos de metrô de todo o agito e compras! Foi então que depois de algumas pesquisas conhecemos o Airbnb. Depois de pesquisar ainda mais a fundo sobre o assunto, resolvemos arriscar, e fomos atrás de uma casa para alugar em NYC. Achamos uma muito bonita, simples e bem equipada em Astoria, cerca de 15 minutos da ilha. Quando chegamos lá, fomos muito bem recepcionados pelo Shay, dono da casa, que não apenas nos mostrou toda a casa, mas também os arredores do bairro, falando onde era interessante comer, fazer compras e visitar! Ele também nos levou para comer em um restaurante muito fofo, que nós adoramos e voltamos outro dia! A casa tinha tudo que precisávamos.. Roupa de cama, toalha, televisão, wifi, cozinha completa, ou seja.. TUDO!! Tínhamos até um jardim que é super difícil achar em NYC! O dono morava na casa do lado, o que era super cômodo, pois se precisávamos de algo, era só chamar que ele nos ajudava! A nossa primeira experiência foi perfeita, a reserva foi fácil de fazer, toda pelo site, conversamos com o dono antes de alugar, vimos as fotos de como era o local, e quando chegamos lá, era exatamente igual!Captura de Tela 2013-11-29 às 02.20.56Dessa vez fomos para Miami, e como ficamos por apenas 5 dias, e gostamos de fazer/conhecer coisas novas, decidimos alugar um quarto, ou seja, ficamos na casa de uma pessoa, compartilhamos sala, cozinha e banheiro, apenas o quarto era particular. Depois de muito procurar por um local que tinha uma boa localização, casa bonita e com um preço bacana, alugamos um quarto na casa da querida Maria! Ela foi muito prestativa nos emails que trocamos, até me ligou para confirmar a reserva. Quando chegamos lá ela nos levou para um passeio de carro para conhecermos a região. Nos mostrou todos os cantos da casa e explicou como funcionava tudo. Ela tinha 2 quartos para alugar, o nosso e mais outro que também estava ocupados, mas nunca chegamos a conhecer a outra pessoa, pois ficávamos a maior parte do tempo fora da casa. A nossa estádia na casa da Maria foi maravilhosa!! Nós praticamente acordávamos cedo, tomávamos banho e saíamos rumo às compras ou passeios, e só voltávamos tarde da noite. Um dia ficamos mais tempo na casa, pegamos um sol e relaxamos em volta da piscina. O quarto era grande, a cama muiiito confortável! O banheiro era sempre limpo e o chuveiro tinha muita pressão, excelente!! Ela tinha uma empregada que trabalhava todos os dias, por isso a casa estava sempre limpa e arrumada, mas ela não entrava no nosso quarto. O que era muito bom, pois assim tínhamos privacidade! Não nos preocupamos com barulho, nem nada! Foi uma ótima hospedagem, parecíamos que estávamos em casa. Ela tem um cachorro e 8 gatos, isso mesmo OITO! hhaha Mas eles ficavam sempre fora de casa, só uns dois que passeavam por dentro. Um ficou tão apegados a nós que quase levamos junto, tão fofinho!

Eu posso garantir que essas nossas duas experiências com o Airbnb foram incríveis! Conhecemos pessoas super queridas, que com certeza se voltarmos a cidade vamos ficar novamente na casa deles, pois criamos uma amizade e confiança muito bacana!! Eu recomendo o site, quem quiser ter uma experiência diferente, e de quebra economizar uns bons trocados, esse site é certeiro!

Agora vou explicar mais ou menos como funciona para alugar uma casa ou quarto:

Primeiro você vai ter que criar um login, que é super fácil e rápido! Dai é só você escrever a cidade que pretende ir, a data de check-in, checkout e quantidade de hóspedes. Então com certeza vai aparecer muiiitas opções, que você pode e deve filtrar. Colocando até quantos reais você quer por diária ou então por região. E é claro, selecionar se vai querer uma casa inteira, ou apenas um quarto, assim vai facilitar muito mais a sua busca! Dai é só olhar as fotos, ler a descrição do local, as regras da casa, o que ela tem (como wifi, tv, cozinha, estacionamento..). Muitos locais tem também uma avaliação dos hóspedes que já ficaram lá, então é bem interessante ler elas antes! Você pode mandar uma mensagem para o dono, colocar o local na sua Wish List para decidir mais tarde, ou reservar o local! Lembrando que sempre tem uma taxinha extra, por isso tem que ficar de olho, mas geralmente é bem pouco o valor! E é fácil assim!! O site é 100% seguro e confiável! Eu recomendo!! 

Agora vou mostrar pra vocês algumas fotos que batemos da casa em que ficamos em Miami, ela é linda e bem diferente, isso porque está cheeio de objetos de decoração pra todo canto!! ahah Eu adorei a experiência!

Vista da rua
2013-11-13.18 Miami 050
Frente da casa2013-11-13.18 Miami 048 Eu com um dos 8 gatos (tem outro lá na porta)2013-11-13.18 Miami 053 Dog que sempre ficava na sala 2013-11-13.18 Miami 045 2013-11-13.18 Miami 056 2013-11-13.18 Miami 057 2013-11-13.18 Miami 062Cozinha2013-11-13.18 Miami 059 2013-11-13.18 Miami 073Área externa com piscina
2013-11-13.18 Miami 063 2013-11-13.18 Miami 067 2013-11-13.18 Miami 068 2013-11-13.18 Miami 071 2013-11-13.18 Miami 065 2013-11-13.18 Miami 072 Banheirobanheiroairbnb Nosso quarto2013-11-13.18 Miami 098 2013-11-13.18 Miami 095Espero que vocês tenham gostado da dica, e quem tiver alguma dúvida é só perguntar!

Anúncios

Miami – Arquitetura

Bom dia queridos, como vocês foram de final de semana?? Aqui na city o tempo ficou fechado, com muita chuva, ótimo pra descansar bastante!!

Como a programação do blog de hoje é Decoração.. Vamos aproveitas a minha ultima viagem à Miami como inspiração!! Muitas pessoas veem Miami apenas como um destino de compras e praia, mas ela vai muito além disso! A decoração e arquitetura foi algo que me chamou muito atenção, isso porque lá é tudo muito grandioso. Um supermercado não é algo velho e mal acabado, muito pelo contrário.. Lá tudo segue uma linha de arquitetura, prédios na cor bege e fachadas lindas com muitas palmeiras e jardins bem decorados. Em todos os lugares que você olha, tem uma palmeira, e todas muito grandes e bem cuidadas! Até em prédios ou ruas que estão em construção, já podemos ver que tem palmeiras plantadas, ou seja, a decoração e jardinagem lá são levadas muito a sério! O que é incrível porque deixa a cidade muito mais bonita!

Outra coisa que me chamou muito atenção foram os prédios, muitos prédios novos, ao estilo NYC. Grandes e espelhados, bem de cidade grande! O que fica muito bacana a combinação praia + cidade! Em todos os cantos tem uma nova construção, a cidade que já é grande, está cada vez ficando maior, e muito rápido!! A ultima vez que eu estive lá, cerca de 3 anos atrás, eu não tinha reparado em tantos prédios.

As ruas e rodovias também são exemplo mundial. As highways (rodovias) tem no mínimo 4 faixas e o pessoal é sim muito educado! Lá mesmo tendo muitos carros na rua, o transito flui, porque as pessoas são educadas (sempre dão a vez) e pacientes. Mesmo tendo algumas pessoas que vão devagar, o pessoal não fica buzinando ou cortando a frente, eles respeitam e seguem para a outra pista, sem causar tumulto. Eu recomendo ter um GPS, porque é tudo muito grande e confuso, mas com um fica muito fácil de se achar!

A Lincoln Road é uma das ruas mais conhecidas de Miami Beach. Está cheia de restaurantes que servem desde o café da manhã até o jantar. E também está recheada de lojas que todo brasileiro ama! Apple Store, H&M, Forever21, Sephora, Steve Madden entre outras. A arquitetura de lá também é linda, pela rua não se passam carros, apenas cruzando com outras ruas, então é ótimo para caminhar. Lá tem muitas árvores e muitos laguinhos com peixes. Com certeza um lugar para fazer compras e relaxar ao mesmo tempo, recomendo um passeio por lá. miamibeach miamiflo3 miamiflo8 miamiflo7 miamiflo6 highways2 miamiflo4 romerobritto miamiflo5 lincolnroad Rettungsschwimmer Station in South Beach in Miami Beach, Florida, USA miamibeach2 highways miamiflo9 miamiflo

Todas essas fotos eu tirei da internet, nós batemos sim algumas fotos de lá.. Mas ainda estão es processo de edição! haha Eu fiz um Look do Dia na Lincoln Road que ficou lindo! Mostrou muito da decoração de lá, amanhã eu mostro pra vocês!;)

 

Dicas de Viagem: Onde comer em Miami

Hoje a dica eu tenho certeza que vai ser ótima para muitas pessoas que tem viagem planejada para Miami, como também para outras cidades da Flórida ou mesmo EUA! Eu vou contar para vocês 5 locais que eu e meu namorados fomos, para todos os tipos de refeição, café da manhã, almoço, janta e para comer no meio do dia! Dois deles eu já conhecia, e como adoro, voltei e vou voltar todas as vezes que eu viajar!!

iHop: Esse restaurante é uma rede conhecida pelas suas famosas panquecas e waffles. Eu quando descobri sobre ele fiquei doida pra conhecer. Acho que todo mundo tem meio que esse sonho de comer panquecas americas né? hahah Eu sempre via nos filmes e tinha vontade de comer, então realizei esse “sonho”. Eu pedi uma panqueca de blueberry, que estava DELICIOSA!!! É muito macia e saborosa. Meu namorado pegou um combo que vinha uma panqueca (só que de apenas dois andares) e mais um prato com ovo, bacon, e outras coisas mais! Para tomar eu peguei um chocolate quente com canela! Quando eu vi na foto do menu, achei que fosse um copo médio, normal.. Quando chegou eu fiquei de cara, era ENORME!! Normalmente aqui no Brasil a comida é sempre menor do que parece, mas lá é ao contrário! Eu não consegui comer nem metade da minha panqueca, só para vocês terem uma idea!! Nas mesas tinham caldas para colocar nas panquecas, de morango, blueberry, manteiga de alguma coisa que eu não lembro e o tradicional. Todos muito gostosos!! Vale a pena conhecer, o preço é normal.. As panquecas de 4 andares varia de 7 à 9 dólares, o combo é o mesmo preço!iHopComida Chinesa: Essas “lojinhas” de comida chinesa tem em tudo que é lugar! Tem em praticamente todos os shoppings e outlets. Não vou em alguma pelo nome e sim pelo tipo de comida, até porque dessa vez fomos em dois diferentes, um eu não lembrei de bater foto! A primeira vez que comemos foi em NYC, é bem diferente da nossa comida chinesa, o arroz até que é bem parecidos na questão sabor, mas o frango, peixe e carne são totalmente diferentes, isso porque eles são cobertos por uma camada agridoce, que é deliciosa!! Normalmente nesses locais você pode escolher 2 tipos de complementos e dois de carne. Nós pegamos arroz e batata doce com frango e uma carne de porco. O prato não fica muito bonito (parece de pedreiro) mas a comida é deliciosa e serve tranquilamente duas pessoas!! Eu recomendo por ser muito diferente, gostoso e barato! Um pratão desse custa em média $ 7 dólares (e serve duas pessoas). Normalmente uma vendedora fica na frente chamando as pessoas para experimentarem a comida, você pega um palitinho com um pedaço e se gostar pode se servir! Se não quiser boa sorte, as chinesinhas ficam te chamando direto pegar um prato!! hahachinaStarbucks: Esse acho que a maioria de vocês já conhecem né?! Pois é, eu não só conheço como AMO!!! Como não tem aqui na nossa região, toda vez que vou viajar me acabo em comer lá!! haha O meu preferido para os dias quentes são os Frappuccinos (e até para dias frios, admito) pois não tem gosto de café, ele é feito de creme e tem pedaços de gelo, ou seja, super refrescante e delicioso!! Eu sempre peço o strawberry and cream, mas dessa vez também experimentei o double chocolate chip, delicioooso!! Eu não fotografei as comidas, mas são todas deliciosas!! Ótimo para qualquer hora do dia, café da manhã, lanche da manhã, meio da tarde, a noitinha.. aiii AMO!! hhaah Dessa vez experimentamos algo diferente, compramos no mercado um energético do Starbucks, tinha gosto de café, mas muito doce e com baunilha, muito gostoso, e faz o seu papel, ficamos ligadões depois de tomar! hahahStarbucksSushigami: Comida Japonesa servida de forma super diferente! Os sushis são servidos pratinhos pequenos que são colocados em uma esteira que fica passando ao redor das mesas. Cada prato tem um tipo de sushi diferente, e uma cor diferente também, que é como sabemos quanto custa cada um! Geralmente vem 4 sushis em um prato, e dependendo da cor variam de 3,00 à 6,00 dólares! Mas não são servidos apenas sushis, tem também sopas, saladas, e outras comidinhas bem diferentes! Nós pegamos dois tipos de shushi,  e pedimos um sanduíche de salmão (fica a dica para os restaurantes da cidade, é DELICIOSO!!!). Todos os pratos estavam muito gostosos, com certeza valeu a pena ter conhecido! Os preços são bacanas também, mas não da pra se animar muito, senão fica caro!sushigamiThe Cheesecake Factory: E por ultimo, mas não menos importante, esse restaurante eu já estava louca pra conhecer a um tempo! Dessa vez jurei que iria!!ahah Como é uma rede, tem em vários locais no EUA, nós fomos no Cheesecake que fica no Dolphin Mall. Tivemos que esperar uns 20 minutos por uma mesa, mas tudo bem pois era sexta-feira, e tava rolando um show no lado de fora, então esperamos tranquilamente. Então fomos pra nossa mesa, a decoração é maravilhosa!! Sentamos do lado de fora, e assim que chegamos nosso garçom nos entregou o menu. Pedimos uma massa que o garçom nos recomendou, ele pediu se gostavamos de comida picante, então aceitamos a sugestão dele! O prato estava simplesmente delicioso, muito picante!! Nos lembrou comida tailandesa, que você praticamente come chorando de tão picante!!  hahah Mas era um picante tão gostoso, que por mais que ardesse a boca, não conseguiamos para de comer! O prato é bem grande, serviu muito bem nós dois, até porque queriamos deixar um espaço para o Cheesecake! Eu pedi para beber um drinque de Champagne com pêssego (delicioso, quero tentar fazer!), meu namorado pegou uma cerveja. E para finalizar a mais difícil decisão, qual Cheesecake iriamos comer!! Para nos ajudar, pedimos para o garçom qual era o mais pedido, ele falou de alguns, e optamos pelo de Oreo (que é uma bolacha parecida com Negresco). Estava simplemente DIVINO!! O gosto do chocolate estava muito bom, o creme super levinho! Eu não consegui bater foto dele porque a bateria do celular nesse ponto da noite já tinha acabado, mas peguei uma foto da internet para vocês terem noção, e da pra ter mesmo, porque não é propaganda enganosa, ele vem assim grande e lindo!! Não conseguimos comer tudo (é gigante) então levamos o resto pra casa!! Vale MUITO a pena comer lá, é maravilhoso!! O preço do macarrão foi $16,94, do meu drinque 9,00 , cerveja 5,00 e Cheesecake 8,00!!CheesecakeO que vocês acharam das dicas!? Se alguém já foi em algum desses, deixe nos comentários a sua opinião, vou amar saber!! 😉

Dica de Viagem: Nova Zelândia

Oi pessoal! Meu nome é Haide, tenho 21 anos, sou estudante de direito e fui convidada pela minha grande amiga Lola para escrever brevemente sobre a experiência que é realizar um intercâmbio.haide1Começo afirmando que viajar é um dos maiores prazeres da vida! Poder passear e conhecer novas pessoas, culturas e tipos de vida é incrível! Imergir em um mundo totalmente diferente do seu, onde é necessário que você se adapte aos costumes e jeitos alheios, é definitivamente interessante. A partir de várias pesquisas, e como já realizei outro intercâmbio antes, optei por conhecer a Nova Zelândia, um país localizado no sudoeste do Oceano Pacífico, formado por duas ilhas principais, sendo Wellington a capital. Fiquei hospedada em uma cidade ao lado de Auckland, principal cidade da ilha Norte. Os neozelandeses são chamados de “Kiwis”, assim como a ave que representa o país. O país inteiro tem quase o tamanho de São Paulo, possibilitando conhecer a maioria dos principais lugares.haide4Fui para lá no início de dezembro de 2012 e retornei no início de fevereiro desse ano. Depois de mil coisas pra preparar, como documentação, hospedagem, roupas e preparação psicológica, lá fui eu! A diferença do fuso horário era de +15 horas do Brasil, então você já chega com o dia totalmente ao contrário. Além disso, imagina chegar num lugar que é como nos filmes americanos, mas sem a legenda e menos compreensível, já que as pessoas falam mais rápido (como nós falamos com outros entendedores da nossa língua nativa). Você sai do Brasil tranquilamente, e quanto aterrissa em um país estrangeiro, chove palavras, placas, avisos e pessoas desconhecidas e você fica meio perdida, até se acostumar e meter a cara pra se virar, afinal, esse é o objetivo! hahahahaide5Depois desse baque inicial, pelo menos na Nova Zelândia, as pessoas, percebendo que se trata de um estrangeiro, mudam o jeito de falar para facilitar, já que eles tem um sotaque muito pesado. Dá pra perceber que as pessoas de lá fazem questão de ajudar e são extremamente simpáticas e educadas, pedindo “com licença” e “obrigada” em todas as ocasiões, mesmo quando desnecessário. Incrível a quantidade de intercambistas que encontrei por lá haha Até alguns brasileiros que, assim como eu, ficavam indignados com o fato de que o pessoal de lá gostava de algumas músicas brasileiras meio questionáveis hahahahaide3Chegando lá, tive praticamente uma semana para me adaptar antes de começar minhas aulas de inglês. Fiquei em uma residência familiar, onde estavam mais dois estudantes de outros países hospedados. A partir deles, conheci as melhores formas para me virar e já tive uma noção do que me esperava.haide12Casaco e guarda-chuva são itens obrigatórios para se carregar na bolsa, já que normalmente ficávamos o dia inteiro por aí, e o tempo muda relativamente rápido. Normalmente depois da aula, ia com alguns amigos em alguma praia, bairro, ou mesmo em ruas diferentes para conhecer as lojas, cafés e barzinhos. Todos os dias eram aproveitados, já que não faria sentido ficar em casa com tantas coisas para conhecer.haide8Em relação às praias, ilhas e paisagens, difícil é descrever a beleza e os encantos que conheci por lá! A maioria das atividades é ao ar livre: caminhadas, trilhas, piqueniques em parques e praias (sim, farofada na praia) hahaha Normal comprar comidas e bebidas no mercado, e sair por aí atrás de novas experiências.haide6Tratando-se de alimentação, a quantidade de restaurantes era incrível. Em cada rua principal tinha uma variedade imensa! Mas, o fast-food/junk food predominavam. Até porque, comer fora todo dia acabava se tornando incrivelmente caro, sendo os hambúrgueres a forma mais econômica. Você só percebe que seu feijão com arroz e salada é mais do que ótimo quando fica dois meses comendo quase que diariamente esse tipo de comida. Felizmente encontrei um restaurante brasileiro, mas o tempero era totalmente diferente… Devido à isso, no final da viagem somei uns quilinhos a mais, já que não havia tempo/disposição para fazer atividade física hahahhaide7Em relação ao clima, por serem ilhas, havia vento permanentemente, não existindo a sensação de “abafado” que temos aqui. Há um grande buraco na camada de ozônio, então protetor solar diário era fundamental! Dava pra sentir que, apesar de ser menos quente que o Brasil, o sol era mais agressivo na pele. O povo de lá é muito simples, não dando grande importâncias às marcas famosas. Observava muitas pessoas andando descalço na rua, principalmente para os Maori (população original da Nova Zelândia). Interessante comentar sobre o “Haka”, que é um mantra de Guerra realizado pelos Maori, que consiste em uma dança ensaiada para afugentar o inimigo, ou mostrar que não se está com medo dele. Sempre utilizada no início dos jogos de Rugby (principal esporte da NZ), utilizam expressões faciais, caretas e mostram força dos músculos. Também é realizada em museus e apresentações para os estrangeiros.haide11Outro ponto muito forte desse país são os esportes radicais! Realizei o Nevis Bungy, em Queenstown (bungee jumping), com 134 metros de altura sobre um rio, e o Skydiving (paraquedismo) em Taupo, com 12 mil pés de altura. Com certeza são momentos únicos que jamais esquecerei!! Os preços são bem salgados, mas são itens obrigatórios para se fazer lá! Então se pretende ir até lá, comece a economizar hahahaide9Meu pai viajou até lá nas minhas últimas 3 semanas, e alugamos um carro, indo até quase a ponta de baixo da ilha sul, passando por diversas cidades, turísticas ou não. Interessante passar por cidades interiores, já que sempre conhecerá algo diferente, que não está nas revistas e/ou sites. Para ir à Ilha Sul, é preciso ir de balsa. O mais em conta é se hospedar em espécies de alojamentos, onde os banheiros são divididos, mas tudo vai depender do quanto você quer gastar ou economizar.haide10Se você for fazer um intercâmbio no final do ano, recomendo que vá à Oceania, já lá também é o verão, sendo os dias mais longos e mais aproveitáveis. Falo isso, pois em outro intercâmbio que fiz para a Alemanha, também fui no final do ano, mas lá era inverno, sendo os dias bem curtos, frios e chuvosos, não sendo possível aproveitar o tempo da mesma forma. Claro que é maravilhoso ver a neve, mas depois de um tempo, você fica de “saco cheio” do frio e nublado, e as praias paradisíacas se tornam altamente atraentes! Fica a seu critério, dependendo do tipo de pique que você tenha.haide2Mas se estiver na dúvida entre fazer ou não, não pense duas vezes! Além de experiências únicas, adquiri muita maturidade e aprendi a me virar nos 30! haha Além do que, você sempre terá assuntos interessantes para compartilhar com outras pessoas!

Restaurantes em NYC – Parte 1

Vendo o quanto vocês gostaram das dicas de viagem que eu postei semana passada (AQUI) eu resolvi fazer outra, mas dessa vez em relação a restaurantes e bares. Nós fomos em vários lugares diferentes, experimentamos comidas de vários locais do mundo. Por isso acho interessante compartilhar com vocês. Quem está de viagem para NYC deve anotar as dicas, porque todos os restaurantes que fomos são excelentes, e nós com certeza voltaríamos a comer neles!! Anotem na agenda:

Thái Són: Esse é um restaurante Vietnamita, a decoração é muito bonita e típica. Com muitos pisca pisca e lustres espalhados por todo o canto. No começo ficamos sem saber o que pedir, pois mesmo o cardápio ser em inglês, os ingredientes eram muito diferentes, no final optamos por aqueles que tinham as fotos no cardápio! hahaha #ficaadica pra quando não se sabe o que comer! Os três pratos que pegamos estavam gostosos, o camarão na salada estava com um tempero muito diferente do nosso, quase irreconhecível. O “rolinho primavera” também é muito diferente, mais gorduroso que o nosso, mas bem gostoso. E por último pedimos uma carne com arroz e uma outra coisa estranha, que eu não sei o que é, e não era muito gostosa. Mas fora isso estava muito bom!! Recomendo esse local pra quem gosta de temperos e comidas diferentes!ThaiSónDallasBBQ: Esse não é novidade pra ninguém que já viajou pra lá né?! Mas mesmo assim tive que colocar aqui pois é muito gostoso, e muitas vezes as pessoas não vão por ter muitas outras opções de Fast Food por lá. O ambiente é todo decorado conforme suas origens, o Texas!! O local é muito bonito e aconchegante, a comida é deliciosa, mesmo não tendo uma apresentação muito bonita. Mas com certeza um MUST GO!!dallasbbq
Carioca Grill: Se bater a vontade de comer uma comida brasileira por lá, eu recomendo este local. Ele não fica no centro de NYC, mas fica no Queens, que é bem pertinho pegando um metrô. Esse restaurante ficava a caminho da nossa casa, por isso tivemos que ir lá experimentar. A comida é bem gostosa, o tempero é sim bem brasileiro, apenas algumas coisas que eles faziam no estilo americano. Tinha uma parte só de carnes que era uma delicia!! Tinha até TV passando canais brasileiros! A única coisa ruim que eu achei foi o atendimento, o dono que era brasileiro era um meio estúpido, por isso não voltamos mais lá, mas a comida em si é bem gostosa.cariocagrill
Sanfords: Esse foi o ultimo local que jantamos em NYC, foi com certeza muito gostoso, principalmente pelo ambiente que era maravilhoso. A comida típica americana estava uma delícia como sempre. O pão com carne pode parecer meio simples, mas era delicioso, o tempero era super diferente. A batata frita também era muito boa, colocando os molhos junto então.. huuumm.. Nós só batemos foto dos pratos, esquecemos de bater do local, por isso eu peguei do site deles para vocês terem noção de como era!

astoriaEspero que vocês tenham gostado das dicas, pois semana que vem tem mais! Eu separei em duas partes pra não ficar muito cansativo!!